Horizonte Global

Outro foco de atenção do Mattos Filho durante 2014 foram os esforços de internacionalização. Sem dúvida, há um consenso entre os sócios de que uma presença global ainda mais abrangente figura como um objetivo relevante no horizonte estratégico do escritório. Hoje, as equipes estão preparadas para atender tanto os clientes que vêm de fora quanto para suprir as necessidades de natureza jurídica de empresas brasileiras em seus negócios no exterior.

Um novo business plan foi elaborado para o tema. A execução prática do plano procura racionalizar e incrementar a prospecção no exterior. Mediante o planejamento mais acurado das viagens e missões internacionais dos sócios do escritório, houve maior alinhamento entre os profissionais para que os resultados dessas iniciativas sejam maximizados.

Além dos Estados Unidos, em que o Mattos Filho tem um escritório em Nova York, temos um importante trânsito na International Bar Association. Outros mercados estratégicos, em regiões eminentes no mundo, são foco das viagens e iniciativas de relacionamento.

Durante 2014, os sócios realizaram visitas nos seguintes países: Alemanha, Argentina, Canadá, Chile, Colômbia, Estados Unidos, Holanda, Inglaterra, Irlanda, Japão, Peru, Portugal, Suíça e Uruguai.

 

É importante frisar que essas missões ao exterior, antes mais restritas ao cultivo de relações e ao intercâmbio de informações com outros escritórios, hoje compreendem também contatos diretos com clientes efetivos e potenciais, visitas a instituições, como associações empresariais, câmaras de comércio, bancos e fundos de investimentos, além da participação em eventos jurídicos de natureza variada.

Em outra evidência dessa busca de ampliação internacional, 27 advogados estiveram fora do Brasil em 2014, sendo que 12 cursaram LL.M. (do inglês Master of Laws) e trabalharam no exterior, 8 dedicaram-se exclusivamente ao LL.M. e outros 7 estiveram focados no estágio internacional.